Suave na Nave

Ola!
estou dedicando algumas horas do meu dia e fazendo este blog com um certo carinho".
Não tenho intenção de agradar todo mundo que navegar qui!
Não postarei coisas todos os dias,"tenho mais o que fazer".
Fique a vontade leve os discos e o que mais quiser...((Apenas lembre-se de pelo menos agradecer,pois não estou ganhando nada com isso!))
Obrigado!
(Eric Arvel)
Tecnologia do Blogger.
20 de jul de 2010

Módulo 1000


O jornal Rolling Stone, em sua edição nacional, de número 4 (21 de janeiro de 1972) trazia na segunda capa (interna) anúncio de página inteira com o disco. Está lá escrito: "Nosso som é o som do mundo para ser sacado e curtido" - Módulo 1000, com a foto do quarteto e a capa do disco, trazendo apenas o nome da banda e da obra - "Não Fale Com Paredes". Uma estréia que prometia, mas que enfrentou resistências, mesmo dos setores mais roqueiros da mídia, inclusive do próprio RS.A razão da reação adversa de alguns é, ao mesmo tempo, o grande trunfo do álbum: o som progressivo, altamente técnico, que, ao contrário das críticas, não deixava de manter o pé no rock e da psicodelia. Integravam o grupo carioca, os músicos Luiz Paulo (órgão, piano e vocal), Eduardo (baixo), Daniel (guitarra) e Candinho (bateria). A produção, devidamente capitalizada no anúncio do jornal, é do disc-jockey Ademir, um dos mais destacados da época, depois de Big Boy.De fato, em suas nove músicas, "Não Fale Com Paredes" é um exercício de criatividade instrumental que, hoje, pode-se nivelar aos melhores discos do gênero produzidos no exterior. "Turpe Est Sine Crine Caput", cantada em latin, com um impressionante trabalho de guitarra, abre o disco mostrando o que vem pela frente. "Não Fale Com Paredes", com letra de Vitor Martins ("Uma pessoa/É uma figura/É uma imagem/Numa moldura/Minha imagem quer sair do quadro/Dessa vitrine sem profundidade"), em clima de quase hard-rock à la Grand Funk Railroad, expõe a face mais pesada do grupo. E "Espelho" é uma viagem acústica, com vocais suaves, que lembra um pouco a sonoridade dos Mutantes.


Não Fale Com Paredes (1970)







Vímana : a obscura banda progressiva de Lobão, Ritchie e Lulu Santos

Em 1974, dois ex-membros de outra banda progressiva brasileira, o Módulo 1000 (que lançou um lp - Não Fale Com Paredes, hoje raridade muito valiosa em várias partes do mundo) resolveram dar seguimento à carreira musical, após o fim da banda. Eram o tecladista Luiz Paulo Simas e o baterista Candinho.Eles se juntaram ao guitarrista e cantor Lulu Santos, e ao baixista Fernando Gama, recém saídos de outra banda, o Veludo. A princípio, o som que faziam tendia mais para o Hard Rock, devido em parte às influências de Lulu, que sempre foi um ótimo guitarrista. Com o tempo, porém, a banda acabou adquirindo uma sonoridade mais progressiva.Suas apresentações ao vivo começaram a chamar a atenção, devido ao requinte dos arranjos instrumentais, muito inspirados. Ficou famosa a participação da banda no festival Banana Progressiva, em agosto deste ano, bem como a presença no primeiro Hollywood Rock, em 1975. Deste último festival, saiu a única gravação em vídeo da banda da qual se tem notícia : nela só aparece uma música : Perguntas, onde se destaca o belo arranjo de teclados de Simas, embora o arranjo vocal de Lulu não seja dos melhores


1976 - nova-vimana
http://rapidshare.com/files/134966798/nova-vimana__1976_.rar)
19 de jul de 2010

A Barca do Sol


Banda brasileira de rock progressivo formada em 1973 no Rio de Janeiro como banda de apoio do músico Piry Reis, mas acabou tendo vida própria, sendo um dos grandes expoentes da música brasileira em sua época.
Teve em uma de suas formações o cantor Ritchie, na época como flautista.
A banda gravou três álbuns durante suas atividades e uma coletânea (lançada em 2000) e terminou em 1981. Seus integrantes continuaram em carreira solo, tendo até certo sucesso.
A banda possui influências do folk rock, e devido aos instrumentos utilizados seu som é geralmente comparado com o da banda Jethro Tull.


1974 - A Barca do Sol







18 de jul de 2010

A Chave


uma das mais significativas do sul do país anos 70. O grupo tinha uma grande quantidade de fãs, e seus shows eram conhecidos por ter sempre um grande público. Tiveram vários shows proibidos, músicas censuradas e nunca chegaram a lançar um LP. O compacto com Buraco no Coração e Me Provoques Pra Ver é o único registro discográfico deixado. Além de ter tocado ao lado de grupos como Secos & Molhados, O Terço e Mutantes, a Chave ainda acompanhou o lendário Bill Halley no Brasil.

A banda durou dez anos (de 1969 a 1979), e tinha como parceiro o poeta Paulo Leminski, que colaborava nas letras. Daí já viu, não dá pra sair coisa ruim. A formação contava com o Paulinho Teixeira nas guitarras, Ivo Rodrigues nos vocais, Carlão Gaertner no baixo e Orlando Azevedo na bateria.





Aborto Elétrico


banda brasileira de punk rock que esteve ativa entre 1978 e 1982. Inspirou o surgimento de várias outras, como Legião Urbana, Capital Inicial e Plebe Rude.

A banda fez parte da Turma da Colina, um grupo de bandas de Brasília, junto a bandas como a Plebe Rude e a Blitz 64.

Tinha, em sua formação original, Renato Russo no baixo, André Pretorius na guitarra e Fê Lemos na bateria. Depois que André Pretorius foi prestar serviço militar na África do Sul, Renato Russo passou a tocar guitarra e entrou o baixista Flávio Lemos, irmão de Fê Lemos. Mais tarde a banda ainda contou com a presença do guitarrista Ico Ouro Preto, irmão de Dinho Ouro-Preto. A banda terminou em 1982, depois de desentendimentos entre seus integrantes. Segundo Fê Lemos, após Renato Russo errar várias vezes as letras das canções em um show, ele arremessou uma baqueta nas costas de Renato, que disse que não iria mais fazer parte da banda. Parte de seu repertório foi esquecida, e a outra parte foi dividida entre Capital Inicial e Legião Urbana.


Show realizado na UNB em 1978






Supertramp


 



Patrocinado pelo milionário holandês Stanley August Miesegaes, o vocalista, pianista e ex-baterista Rick Davies pôs um anúncio no jornal Melody Maker em busca de integrantes para a formação do grupo, em agosto de 1969. Rick Davies então juntou-se aos músicos Roger Hodgson (vocal, guitarra e teclados), Richard Palmer (guitarra, balalaika e vocais) e Robert Millar (percussão e harmônica). A banda inicialmente chamava-se Daddy, tendo o nome posteriormente alterado para Supertramp, que ao pé da letra quer dizer "super mendigo", inspirado num livro de W.H. Davies, “The Autobiography of a Super-Tramp”.



1975 - Crisis? What Crisis?





4 de jul de 2010

JIMMY PAGE - Lucifer Rising

Lucifer Rising - entre Novembro de 1973 e 1974.


Considerado como o filme mais elaborado vanguardista cineasta Kenneth Anger, o Lucifer Rising (1970-1980, 28 minutos) ocorre em vários pontos no Egito, Inglaterra e Alemanha. Na tela, a Odd-tinged rock soundtrack puxa os espectadores através de uma série de obsessivamente encenado e assustadoramente realizado cerimônias, movimentos e rituais.
Originalmente Jimmy Page iria compor a trilha. Page estava trabalhando na trilha sonora a três anos (desde 1973) e entregue 28 minutos de fita concluída. No entanto, Kenneth Anger teria demitido Page por desperdício de tempo e falta de dedicação ao projeto, Eventualmente, o músico Bobby Beausoleil, um membro da família Manson, foi contratado para completar a trilha sonora.


Page Gravaria pela primeira vez na Sotheby's, em um leilão de botas do ocultista Inglês / Mago Aleister Crowley. Page várias vezes manifestado interesse nos ensinamentos de Crowley. Ele possui a segunda maior colecção de livros de Crowley no mundo, e uma de suas três casas é antiga residência de Crowley na Boleskine nas margens do Loch Ness.



 


 


 


 


''Considered as avant garde filmmaker Kenneth Anger's most elaborate film, Lucifer Rising (1970-1980, 28 mins) takes place at various historically "magic" spots in Egypt, England and Germany. On screen, the odd rock-tinged soundtrack pulls viewers through a series of obsessively staged and hauntingly realized ceremonies, movements and rituals.
Originally Led Zeppelin guitarist and leader Jimmy Page was to compose the score. Page had been working on the score for three years (since 1973) and delivered 28 minutes of completed tape. However, Anger fired Page for time-wasting and a lack of dedication to the project, and claimed that Page's personal problems had made him impossible to work with. Eventually, musician Bobby Beausoleil, a member of the Manson family, was commissioned to complete the soundtrack.

Page and Anger first met at Sotheby's, at an auction of boots by the English Occultist/Magician Aleister Crowley. Both Page and Anger are students of Crowley's teachings. Anger is a practicing Magus (a priest/magician) and his films, of which Scorpio Rising is perhaps the best known - are replete with occult symbolism. Anger himself describes them as "Spells and Invocations."
Page has often expressed interest in the teachings of Crowley. He owns the second largest collection of Crowley's books in the world, and one of his three houses is Crowley's former residence at Boleskine on the shores of Loch Ness.








The Soul Survivors



Os Soul Survivors foram um grupo de R&B da Filadélfia, conhecidos pelo seu hit de 1967 "Expressway to Your Heart", o qual foi o primeiro hit dos produtores de soul da Filadélfia Kenny Gamble e Leon Huff.

Eles inicialmente tocaram em Nova York sobre o nome The Dedications, lançando diversos singles sobre esse nome em 1962 e 1964. Eles adotaram o nome Soul Survivors em 1965. Eles assinaram com o selo da Filadélfia Crimson Records, que os botou em contato com Gamble & Huff. "Expressway To Your Heart" foi o 1° lugar regionalmente na Filadélfia e Nova York na primavera de 1967, e a música chegou em 4° na Billboard Hot 100 nacionalmente. A sequência foi "Explosion in Your Soul", que não foi tão bem-sucedido (33° nos EUA); um terceiro lançamento, "Impossible Mission", também foi um Hit menor em 1969 (68° nos EUA). Eles pararam de tocar por poucos anos, mas voltaram com uma formação diferente em 1972. Eles tiveram mais um hit em 1974. Em 2006, os Soul Survivors originais (os irmãos Richie e Charlie Ingui) continuam se fortalecendo com uma nova banda, e estão tocando por todo o Leste dos Estados Unidos.


When The Whistle Blows Anything Goes









Jimmy Page responde a processo por plágio de “Dazed and Confused”




Um dos maiores clássicos da carreira do Led Zeppelin é motivo de um processo de plágio contra o guitarrista Jimmy Page. O cantor norte-americano Jake Holmes entrou com um processo contra Page alegando que é o verdadeiro compositor de “Dazed and Confused”, faixa lançada no primeiro álbum do Led Zeppelin, em 1969.O suposto verdadeiro compositor da música enviou documentos à justiça com registro de direito autoral de “Dazed and Confused” datado de 1967, portanto, anterior ao lançamento da versão do Zeppelin. A versão de “Dazed and Cunfused” de Jake Holmes foi lançada em 1967 em seu álbum de estréia, “The Above Ground Sound of Jake Holmes”.Segundo a história que gira em torno do caso, Jake Holmes teria se apresentado em agosto de 1967 antes de um show do Yardbirds, banda integrada por Page antes do Zeppelin. O baterista do Yardbirds teria comprado o disco de Holmes e a própria banda teria feito uma versão de “Dazed and Confused” ao vivo.Com o fim do Yardbirds e o nascimento do Led Zeppelin, Jimmy Page teria levado essa música para o repertório da nova banda e assumido sua autoria.O curioso é Jake Holmes ter esperado 40 anos para reivindicar seus direitos sobre a canção. Segundo as atuais leis de direito autoral, o cantor só será ressarcido pelos últimos três anos, o que daria algo em torno de US$ 150 mil. Isso se ganhar o caso.No YouTube é possível encontrar a versão de Jake Holmes, do Yardbirds e compará-las com o conhecido clássico do Led Zeppelin


.













Jake Holmes




1967 US - Above Ground Sound Jake Holmes




(nascido em 18 de dezembro de 1939 em San Francisco, Califórnia) é uma cantora de folk-rock americano e compositor do final dos anos 1960. Holmes é o autor da canção "Dazed and Confused", que foi posteriormente adotada e popularizada pelo Led Zeppelin. A canção apareceu na estréia de Holmes, "The Sound Above Ground", de Jake Holmes.
2 de jul de 2010

Rory Gallagher


Um dos guitarristas de blues pioneiros de seu país, sendo considerado um dos músicos britânicos mais originais e técnicos das últimas décadas. Um autêntico gênio criativo e um homem bastante simples, que usou uma única guitarra Fender Stratocaster de segunda mão em toda sua longa carreira.
Além de ser um guitarrista bastante perfeccionista, foi também cantor e compositor, um artista incansável que excursionou por bares e clubes desde os 16 anos, sempre consciente de abster-se do comercialismo musical barato, feito que lhe garantiu respeito por parte da mídia especializada e fãs por todo o mundo.





Rory Gallagher seguiu sua carreira de maneira estável até 1994, quando cai seriamente doente, vindo a falecer em 14 de junho do ano seguinte, em decorrência de complicações de uma cirurgia para transplante de fígado feita em abril deste ano. Tinha apenas 46 anos, sem esposa, sem filhos; viveu toda sua existência em função de sua arte, de maneira simples e íntegra.


1971 - Deuce






1971 - Rory Gallagher





1972 - Live In Europe



Este “Live! In Europe” foi o primeiro registro ao vivo de sua carreira-solo, tendo o óbvio Rory na voz, guitarra, bandolin e gaita, além de seus companheiros Gerry McAvoy no baixo e Wilgar Campbell na bateria. Aqui Rory tinha apenas 23 anos e as canções deste disco são uma seleção das gravações feitas durante sua excursão pela Europa nos meses de fevereiro e março 1972. Foi totalmente produzido pelo próprio Rory Gallagher, atingiu a décima posição nas paradas e arrebatou seu primeiro disco de ouro pelas vendas, consolidando de vez o sucesso de seus dois primeiros discos-solo de estúdio.










1973 - Blueprint








1973 - Tatoo









19760 - Calling Card






welcome

Penitentes

Deiche seu Recado AQUI!

Friends

Banner Radio Morfina

Banner do Blog

Parceiros da Morfina

Blog Impulsos

Blog de Vanessa Matos. Parceira,amiga e super criativa! Exatamente porisso faz parte da Radio. Otimo BLog!

Atenção

Estes links estão hospedados na própria Internet, somente indicamos onde se encontram.Qualquer arquivo protegido por algum tipo de lei deve permanecer, no máximo, 24 horas em cada computador e devem ser descarregados apenas para teste, devendo ser apagados depois.Os autores deste blog incentivam os visitantes a comprarem os originais caso gostem.Obrigado por vossa compreensão e visita.